Bolsão MS - Estrutura metálica da Caldeira de Recuperação já está na terceira fase
Fibria | Da redação/ com Assessoria Fibria | 10/06/2016 08h46

Estrutura metálica da Caldeira de Recuperação já está na terceira fase

Compartilhe:

Mais de 11 mil estacas já foram fincadas no projeto

Nas obras do Projeto Horizonte 2, há grandes estruturas que necessitam de estacas no processo de construção, para se manterem firmes e seguras no solo. As estacas já utilizadas, que são elementos de fundação de uma obra e podem ser comparadas às raízes de uma árvore, variam de 40 centímetros a 1 metro de diâmetro e de 15 a 23 metros de comprimento. Em toda obra já foram utilizadas mais de 11 mil estacas. Se enfileiradas, o comprimento corresponderia à distância entre os municípios de Três Lagoas e Ribas do Rio Pardo (MS).

Base da Torre de Estocagem está concluída

Esta estrutura se compara ao pulmão da planta de produção, pois, depois de branqueada, a celulose em forma de uma polpa mais consistente, é armazenada na Torre de Estocagem e bombeada para a linha de Secagem. A torre de Estocagem do Projeto Horizonte 2 é uma das maiores do mundo. A altura de 70 metros é equivalente a quase o dobro da altura da estátua do Cristo Redentor. O peso é igual ao do Telescópio Espacial Hubble, 435 toneladas, ou ao de todo asfalto usado para construir o Autódromo de Interlagos. O volume de 14 mil m³ da torre impressiona, pois, caberiam 14 mil caixas d’água de mil litros no seu interior.

Início da construção do Galpão de Máquinas do Viveiro

A construção do Galpão de Máquinas Automatizadas do Viveiro já foi iniciada. O galpão vai abrigar as máquinas do sistema de plantio, seleção, expedição, fabricação dos tubetes de papel biodegradável e do sistema de movimentação. Apenas a área do galpão tem mais de 3.600 m². É metade do tamanho do estacionamento de um grande Shopping.

Estrutura metálica da Caldeira de Recuperação já está na terceira fase
A construção de um dos principais equipamentos do Projeto Horizonte 2 chega à terceira fase, atingindo 41 metros de altura e totalizando 1,6 tonelada de aço. Serão seis fases de montagem de estruturas metálicas da Caldeira de Recuperação. Toda estrutura pesará 4 mil toneladas de aço, quantidade necessária para suportar os 85 metros de altura da caldeira. É equivalente a um prédio de 14 andares.

Diálogo Diário de Segurança

A Fibria valoriza o bem-estar e a segurança dos seus profissionais. Por essa razão, adota como ferramenta de prevenção o Diálogo Diário de Segurança (DDS). O DDS é uma reunião diária que acontece em cada ilha de trabalho da obra, com todos os trabalhadores, antes do início das atividades. O objetivo é informar sobre procedimentos de segurança, que deverão ser adotados por todos. Além da segurança, outros temas também são abordados, como saúde, meio ambiente, cidadania e família.

 

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS